Vilém Flusser – A Imagem

Imagens são superfícies que pretendem representar algo. Na maioria dos casos,
algo que se encontra lá fora no espaço e no tempo. As imagens são, portanto,
resultado do esforço de se abstrair duas das quatro dimensões espácio-temporais,
para que se conservem apenas as dimensões do plano. Devem sua origem à capacida-
de de abstração específica que podemos chamar de imaginação. No entanto, a ima-
ginação tem dois aspectos: se de um lado, permite abstrair duas dimensões dos
fenômenos, de outro permite reconstituir as duas dimensões abstraídas na imagem.
Em outros termos: imaginação é a capacidade de codificar fenômenos de quatro di-
mensões em símbolos planos e decodificar as mensagens assim codificadas. Imagina-
ção é a capacidade de fazer e decifrar imagens.

In A imagem, FLUSSER, Vilém. Filosofia da Caixa Preta. Ensaios para uma futura filosofia da fotografia. São Paulo: Editora Hucitec, 1985.

Anúncios